quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

PALHAÇO DO LUAR, canção de 1933

Hoje, trago a bela canção brasileira PALHAÇO DO LUAR, 
da autoria de Francisco Alves e Orestes Barbosa, 
gravada por Francisco Alves.
Disco Odeon 11.115-B, matriz 4741, 
gravado em 31 de outubro de 1933 e lançado em maio de 1934.



Lua!  Mentira branca dos espaços
que tanto me iludiu a iluminar
as noites em que, louca, nos meus braços
mentias me beijando no luar

Não quis ouvir um único conselho
Como a tua maldade me doeu!
E hoje quando me vejo num espelho
contemplo a minha face e não sou eu

Lua! Hóstia de mágoas que assitias
às ânsias de um amor que era ilusão
Meu peito era um viveiro de alegrias
Ardia como um sol meu coração










Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...