segunda-feira, 4 de agosto de 2014

SINHÔ - 84 anos de Saudade

Sinhô em 1926, na ocasião do lançamento do maxixe Pega-Rapaz.
Arquivo Almirante - Museu da Imagem e do Som
Livro Nosso Sinhô do Samba, de Edgard de Alencar.
Arquivo Marcelo Bonavides


Há 84 anos, em 04 de agosto de 1930, falecia no Rio de Janeiro o compositor José Barbosa da Silva, conhecido por SINHÔ, o Rei do Samba.

Sua produção foi das mais interessantes e importantes para nossa música, onde lançou alguns clássicos de nosso cancioneiro até hoje fazem sucesso, como o samba Jura!...

Em 1989, foi exibida pela Rede Manchete a novela Kananga do Japão, onde trazia como pano de fundo a música popular brasileira dos anos 20 e 30, e seus personagens, passando pela Praça XI de Julho, no Rio de Janeiro. O ator Paulo Barbosa interpretou Sinhô. Em uma cena, ele apresentava uma nova marcha de rancho que iria fazer sucesso, Cabeça de Promessa

Música bonita, com belos versos, bem característicos do compositor, essa composição foi gravada somente por orquestra. Mas, eu guardei os versos de cor e, pesquisando no Arquivo Nirez, consegui encontrá-los em um antigo livro de músicas carnavalescas, chamado Cantigas Carnavalescas, de 1920. Para minha surpresa, eram iguais aos que eu havia decorado por vinte anos. Ainda trazia duas estrofes adicionais. E nos faz acreditar que tenha sido composta para o carnaval de 1920.



CABEÇA DE PROMESSA
Marcha gravada pelo Jazz-Band Sul Americano de Romeu Silva
Disco Odeon Record 122.858
Lançado em 1925









Já homenageamos Sinhô em outras ocasiões. Confiram:

SINHÔ - 79 anos sem o Rei do Samba.

SINHÔ - 80 Anos de Saudade!

Sinhô - 81 anos de Saudade

SINHÔ, 82 anos de saudade

SINHÔ, 83 anos sem o Rei do Samba

Cantoras de SINHÔ

JANUÁRIO DE OLIVEIRA Interpreta SINHÔ

MÁRIO REIS interpreta SINHÔ

CORTA SAIA (É LÁ)







Agradecimento ao Arquivo Nirez






2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...