sábado, 17 de outubro de 2015

CHIQUINHA GONZAGA 168 ANOS

CHIQUINHA GONZAGA
lounge.obviousmag.org



Há 168 anos nascia CHIQUINHA GONZAGA, nossa primeira maestrina e compositora pioneira em nossa música.

Por ocasião dos 80 anos de seu falecimento, postamos várias informações sobre ela (http://zip.net/bmscBy), bem como divulgamos a descoberta de um disco onde a própria compositora se anuncia e executa suas músicas (http://zip.net/bjmCZT).

Hoje, trago algumas de suas melodias interpretadas por artistas de diversas épocas.


ATRAENTE
Choro
Gravado por Benedito Lacerda (Flauta) e Pixinguinha (Saxofone)
Acompanhamento de Regional
Disco RCA Victor 80-0692-B, matriz S-092708
Gravado em 07 de julho de 1950 e lançado em setembro

Obs. Essa composição é uma polca, mas, nos dados sobre o selo desse disco saiu como choro.



RODA YOYÔ
Dueto gravado pelos Geraldos (Nina Teixeira e Geraldo Magalhães)
Disco Odeon Record 40.496
Lançado em 1905
Obs. Geraldo Magalhães anuncia a música como Roda Yayá, pois, trata-se de uma resposta à Roda Yoyô, embora também traga os versos dessa última.




LUA BRANCA
Canção gravada por Paulo Tapajós
Acompanhamento da Turma do Sereno
Disco Continental 16.425-B, matriz 2643
Gravado em 1951 e lançado em julho e setembro



CUBANITA
Habanera
Gravada pelo Grupo Chiquinha Gonzaga
Disco Odeon Record 120.919
Lançado em fevereiro de 1914








Chiquinha Gonzaga por Marco Aurélio Xavier:Saci-Pererê /A Côrte na Roça /A Dama de Ouros /Não Insistas Rapariga /Atraente



CORTA-JACA (GAÚCHO) (melodia de Chiquinha Gonzaga e letra de Machado Careca) por Lysia Condé










Agradecimento ao Arquivo Nirez




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...