quinta-feira, 20 de outubro de 2016

MÁRIO PINHEIRO INTERPRETA RAMOS COTOCO

RAIMUNDO RAMOS (Ramos Cotoco)
www.fortalezaemfotos.com.br



Há 100 anos falecia o poeta, compositor, cantor e pintor RAMOS COTOCO.

Raimundo Ramos de Paula Filho nasceu em Fortaleza (CE) a 21 de maio de 1871, vindo a falecer também em Fortaleza (CE) em 20 de outubro de 1916.

Seu apelido Cotoco se devia por ter nascido com um defeito físico no braço.

Era um homem excêntrico e foi um dos boêmios mais populares de Fortaleza.

Em 1906, publicou o livro Cantares Boêmios, com poemas e canções. Em sua carreira, compôs lundus, chulas, valsas e cançonetas chistosas, algumas gravadas por Mário Pinheiro na Casa Edison do Rio de Janeiro.

Vários de seus poemas foram musicados por nomes que, até hoje, permanecem desconhecidos.

Tive a oportunidade de ver um de seus quadros sendo restaurados na Igreja de Nossa Senhora do Carmo, aqui em Fortaleza.


Trago as gravações que Mário Pinheiro fez na Casa Edison das músicas de Ramos Cotoco.


O DIABO DA FEIA
Cançoneta
Acompanhamento de Coro e Violão
Disco Odeon Record 108.129, matriz XR-662
Lançado em 1908



PELA PORTA DE DETRÁS 
Cançoneta Alegre
Disco Odeon Record 108.130, matriz XR-663
Lançado em 1908



A SOGRA E O GENRO
Lundu
Acompanhamento de piano
Disco Odeon Record 108.131, matriz (52W)XR-664
Lançado em 1908



SÓ ANGU
Cançoneta
Acompanhamento de piano e ganzá
Disco Odeon Record 108.132, matriz XR-665
Lançado em 1908



NÃO FAZ MAL
Cançoneta
Disco Odeon Record 108.133, matriz XR-666
Lançado em 1908



A COZINHEIRA
Cançoneta
Acompanhamento de piano e ganzá
Disco Odeon Record 108. 134, matriz XR-667
Lançado em 1908




ROSA E EU
Cançoneta
Disco Odeon Record 108.135, matriz XR - 668
Lançado em 1908




A ENGOMADEIRA
Cançoneta
Acompanhamento de Coro
Disco Odeon Record 108.137, matriz XR-670
Lançamento em 1908








Agradecimento ao Arquivo Nirez












2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...