sábado, 30 de junho de 2018

LINA PESCE - 23 ANOS DE SAUDADE

LINA PESCE
Revista Carioca, 1936
http://memoria.bn.br



Há 23 anos falecia a compositora e pianista LINA PESCE.

Magdalena Pesce (depois de casada, acrescentou Vitale ao nome) nasceu em São Paulo em 26 de janeiro de 1913.

Era filha do maestro Giacomo Pesce, com quem aprendeu as primeiras noções de música. Depois, teria ainda aula de piano com Marcelo Buogo.

Com nove anos, ela editou sua primeira composição, o tanguinho Quantas Vezes.

Em 1929, o cantor Gastão Formenti gravou sua composição Crepúsculo, ao lado de Vicente de Lima. A música seria gravada em 28 de maio de 1929, na Odeon, e só lançada em junho de 1933. Porém, há uma gravação, pela Parlophon, de 28 de agosto de 1929, onde o disco foi lançado em novembro de 1929.

Em 1933, casou-se com o editor Vicente Vitale, um dos fundadores da editora Irmãos Vitale, mudando-se para o Rio de Janeiro.

No Rio, estudou piano com Tomás Terán e solfejo, teoria e harmonia com Lorenzo Fernandez.

Em 1938, Lina Pesce ganhou o primeiro lugar no concurso oficial de músicas carnavalescas promovido pela Divisão de Turismo e Divertimentos Públicos da Prefeitura de São Paulo. A composição vencedora era a marcha Você Gosta de Brincar, que foi gravada pela cantora Laís Marival.

Lina Pesce teve suas músicas gravadas por grandes intérpretes e instrumentistas como os já citados Gastão Formenti e Laís Marival, e ainda, Lely Morel, Antenógenes Silva (acordeon), George Bras (acordeon), Irmãs Medina, Muraro (piano), Jairo Aguiar, Marion Duarte, Carminha Mascarenhas, Morgana, entre outros.

Um de seus maiores sucessos foi o choro Bem-te-vi Atrevido, gravado originalmente em 1942 por George Bras, no acordeon. Seria gravado também pela pianista norte-americana Ethel Smith, entre outros.

Ela voltou a morar em São Paulo em 1970, vindo a falecer nessa cidade em 30 de junho de 1995.


Trago algumas de suas composições gravadas no período de 1929 a 1947.



CREPÚSCULO
Valsa de Lina Pesce e Vicente de Lima
Gravada por Gastão Formenti
Acompanhamento da Orquestra Rádio Central
Disco Odeon 11.012-A, matriz 2918
Gravado em 28 de maio de 1929 e lançado em junho de 1933



CREPÚSCULO
Valsa de Lina Pesce e Vicente de Lima
Gravada por Gastão Formenti
Acompanhamento da Orquestra Rádio Central
Disco Parlophon 13.050-A, matriz 2918-1
Gravado em 28 de agosto de 1929 e lançado em novembro



E FOI ASSIM QUE COMEÇOU O NOSSO AMOR
Valsa de Lina Pesce e Orfeo
Gravada por Januário de Oliveira
Acompanhamento do Jazz Band Columbia
Disco Columbia 7.024-B, matriz 380686
Lançado em outubro de 1930



FELICIDADE É O MEU AMOR
Canção de Lina Pesce
Gravada por Gastão Formenti
Acompanhamento da Orquestra Victor Brasileira, sob a direção de Radamés
Disco Victor 33.974-A, matriz 79945-1
Gravado em 27 de junho de 1935 e lançado em setembro



NUVENS QUE PASSAM
Canção de Lina Pesce
Gravada por Gastão Formenti
Acompanhamento da Orquestra Victor Brasileira, sob a direção de Radamés
Disco Victor 33.974-B, matriz 79946-1
Gravado em 27 de junho de 1935 e lançado em setembro



VOCÊ GOSTA DE BRINCAR
Marcha de Lina Pesce
Gravada por Laís Marival
Acompanhamento da Orquestra Columbia
Disco Columbia 8.352-B, matriz 3648
Lançado em fevereiro de 1938



NOITE FRIA DE SÃO JOÃO
Canção de Lina Pesce
Gravada por Gastão Formenti
Acompanhamento da Orquestra Copacabana
Disco Odeon 11.610-A, matriz 5826
Gravado em 09 de maio de 1938 e lançado em junho



HISTÓRIA DE UMA LÁGRIMA
Valsa canção de Lina Pesce
Gravada por Gastão Formenti
Acompanhamento da Orquestra Copacabana
Disco Odeon 11.656-A, matriz 5918
Gravado em 06 de setembro de 1938 e lançado em outubro



BEM-TE-VI ATREVIDO
Choro de Lina Pesce
Gravado por George Bras no acordeon
Acompanhamento do Trio Odeon
Disco Odeon 12.169-A, matriz 6955
Gravado em 07 de maio de 1942 e lançado em julho



DUERME ALMA MIA
Rumba de Lina Pesce e Giácomo Pesce
Gravada por Joel e Gaúcho
Acompanhamento de Lira e Sua Orquestra
Disco Odeon 12.809-B, matriz 8106
Gravado em 27 de setembro de 1946 e lançado em setembro de 1947









Agradecimento ao Arquivo Nirez
Fonte: http://dicionariompb.com.br/










sexta-feira, 29 de junho de 2018

JOEL E GAÚCHO - UMA DUPLA INESQUECÍVEL

JOEL E GAÚCHO
 O Malho 1936


Há 107 anos nascia o cantor e compositor GAÚCHO, da dupla JOEL e GAÚCHO.

Francisco de Paula Brandão Rangel nasceu em Cruz Alta, Rio Grande do Sul, em 29 de junho de 1911.

No começo da década de 1930, já no Rio de Janeiro, especificamente no ano de 1933 conheceu Joel de Almeida nas rodas boêmias do bairro carioca Tijuca, cantando com ele em festas e serenatas. Depois, os dois formaram a dupla Joel e Gaúcho. Seu nome artístico deu-se por suas origens gaúchas.  


O Malho, 20 de dezembro de 1934.
http://memoria.bn.br


O primeiro disco da dupla foi gravado em 1934 na Odeon, trazendo a marcha da autoria dos dois, Amor de Carnaval e o samba de J. Aimberê e Walfrido Silva, Fiz um Samba para o meu Amor. O primeiro sucesso deles foi o samba Estão Batendo, gravado na Columbia, e da autoria de Gadé e Walfrido Silva. Carmen Miranda, quando estava nos Estados Unidos, cantou essa música em um programa de rádio, cuja gravação ainda existe.


JOEL E GAÚCHO
Carioca, 1935.
http://memoria.bn.br


Em 1936, mais um sucesso com a marcha Pierrô Apaixonado, marcha de Heitor dos Prazeres e Noel Rosa, gravado na Victor no finzinho de 1935. Essa música foi cantada por eles no filme Alô, Alô Carnaval, dirigido por Adhemar Gonzaga e lançado pela Cinédia em 1936, um dos poucos filmes musicais dos anos 30 que chegaram aos nossos dias. No mesmo filme, eles também cantam, ao lado da atriz Dulce Wheytingh (ou Weitting), Maria, acorda que é dia, marcha de João de Barro e Alberto Ribeiro, que eles lançaram em 1936.


Trecho do filme Alô, Alô Carnaval
Pierrô Apaixonado




Lançando várias músicas e emplacando sucessos, eles lançariam em 1940 o clássico Aurora, marcha de Mário Lago e Roberto Roberti, que seria regravada nos EUA por Aurora Miranda. Também sucesso de 1940 é a batucada de Roberto Martins, Cai Cai, gravada no final de 1939 pela dupla. Ela seria regravada por Carmen Miranda nos Estados Unidos e cantada por ela no filme Uma Noite no Rio, de 1941, onde Carmen contracena com Alice Faye e Don Ameche.


JOEL E GAÚCHO
O Malho 1939.
http://memoria.bn.br


A dupla continuou compondo e gravando nos anos 50 e 60. Porém seu apogeu foi na segunda metade dos anos 30 e durante os anos 40.

Gaúcho foi sócio fundador da Sociedade Brasileira de Autores, Compositores e Escritores de Música (SBACEM).

Como compositor, teve suas músicas gravadas por Léo Romano, Dircinha Batista, Arrelia e Pimentinha.

Ao abandonar o rádio, passou a morar em Itacuruçá, litoral do Rio de Janeiro.

Gaúcho faleceu no Rio de Janeiro em 31 de março de 1970, meses antes de completar 59 anos.


JOEL E GAÚCHO
Carioca, 1937
Arquivo Nirez


Trago algumas de suas gravações ao lado de Joel de Almeida, na famosa dupla Joel e Gaúcho, com algumas das melhores páginas de nosso cancioneiro popular.




AMOR DE CARNAVAL
Marcha de Joel de Almeida e Gaúcho
Gravada por Joel e Gaúcho
Acompanhamento da Turma da Serenata
Disco Odeon 11.190-A, matriz 4970
Gravado em 14 de dezembro de 1934 e lançado em janeiro de 1935



FIZ UM SAMBA PARA O MEU AMOR
Samba de Walfrido Silva e J. Aimberê
Gravado por Joel e Gaúcho
Acompanhamento da Turma da Serenata
Disco Odeon 11.190-B, matriz 4969
Gravado em 14 de dezembro de 1934 e lançado em janeiro de 1935



ESTÃO BATENDO
Samba de Gadé e Walfrido Silva
Gravado por Joel e Gaúcho
Disco Columbia 8.138-B, matriz 1086
Lançado em fevereiro de 1935



PIERRÔ APAIXONADO
Marcha de Heitor dos Prazeres e Noel Rosa
Gravada por Joel e Gaúcho
Acompanhamento dos Diabos do Céu
Disco Victor 34.012-A, matriz 80060-1
Gravado em 26 de dezembro de 1935 e lançado em janeiro de 1936



MARIA, ACORDA QUE É DIA
Marcha de João de Barro e Alberto Ribeiro
Gravada por Joel e Gaúcho
Acompanhamento dos Diabos do Céu
Disco Victor 34.012-B, matriz 80061-1
Gravado em 26 de dezembro de 1935 e lançado em janeiro de 1936



NÃO PRECISA PAGAR
Samba de Miguel Baúso, Francisco Ferdinando e Buci Moreira
Gravado por Joel e Gaúcho
Acompanhamento de Benedito Lacerda e Seu Conjunto Regional
Disco Odeon 11.381-A, matriz 5375
Gravado em 29 de maio de 1936 e lançado em agosto



PEQUENA FUTURISTA
Samba de Francisco Matoso
Gravado por Joel e Gaúcho
Acompanhamento de Benedito Lacerda e Seu Conjunto Regional
Disco Odeon 11.381-B, matriz 5374
Gravado em 29 de maio de 1936 e lançado em agosto



QUE DEUS TE AJUDE
Marcha de Antônio Nássara e Castro Barbosa
Gravada por Joel e Gaúcho
Acompanhamento da Orquestra Odeon, sob a direção de Simon Bountman
Disco Odeon 11.419-A, matriz 5406
Gravado em 06 de outubro de 1936 e lançado em dezembro



PALHAÇO NÃO CHORA
Marcha de Kid Pepe, José da Piedade e Homero Ferreira
Gravado por Joel e Gaúcho
Acompanhamento da Orquestra Odeon, sob a direção de Simon Bountman
Disco Odeon 11.428-A, matriz 5447
Gravado em 13 de novembro de 1936 e lançado em janeiro de 1937



MANGUEIRA
Samba de Kid Pepe e Alcebíades Barcelos (Bide)
Gravado por Joel e Gaúcho
Acompanhamento da Orquestra Odeon, sob a direção de Simon Bountman
Disco Odeon 11.428-B, matriz 5454
Gravado em 18 de novembro de 1936 e lançado em janeiro de 1937



MARIA CACHUCHA
Marcha de Antônio Almeida e Saint Clair Sena
Gravada por Joel e Gaúcho
Acompanhamento da Orquestra Odeon, sob a direção de Simon Bountman
Disco Odeon 11.795-A, matriz 6197
Gravado em 14 de setembro de 1939 e lançado em dezembro



PRECE AO LUAR
Fox Canção de Haníbal Cruz
Gravado por Joel e Gaúcho
Disco Columbia 8.394-B, matriz 119
Gravado e lançado em 1938



CAI CAI
Batucada de Roberto Martins
Gravada por Joel e Gaúcho
Acompanhamento de Fon Fon e Sua Orquestra
Disco Columbia 55.191-A, matriz 226
Gravado em 04 de novembro de 1939 e lançado em janeiro de 1940



FOI UMA PEDRA QUE ROLOU
Samba de Pedro Caetano
Gravado por Joel e Gaúcho
Acompanhamento de Fon Fon e Sua Orquestra
Disco Columbia 55.211-B, matriz 266-1
Gravado em 20 de março de 1940 e lançado em abril



AURORA
Marcha de Mário Lago e Roberto Roberti
Gravado por Joel e Gaúcho
Acompanhamento da Orquestra Columbia
Disco Columbia 55.250-A, matriz 330-1
Gravado em 07 de novembro de 1940 e lançado em dezembro









Agradecimento ao Arquivo Nirez
Fonte: dicionariompb.com.br











quarta-feira, 27 de junho de 2018

MURILO CALDAS - 113 ANOS


“PARA O ALBUM DO RADIO-FAN – MURILLO CALDAS
Entre os artistas que representaram a nossa musica na recente Exposição-Feira Industrial do Uruguay, em Montevidéo, figurou o nome de Murillo Caldas, muito conhecido no meio radiofônico carioca. Murillo é carioca, como seu irmão Sylvio, e aqui no Rio iniciou a sua vida radiofônica. É dono de um estylo pessoal e já gravou com successo. É solteiro e actualmente excursiona pelas republicas platinas, em propaganda da nossa musica”.
Revista Carioca, 05 de fevereiro de 1938.
Arquivo Nirez


Há 113 anos nascia o cantor e compositor MURILO CALDAS.

Murilo Caldas nasceu no Rio de Janeiro, no bairro de São Cristóvão, onde também foi criado, em 27 de junho de 1905.

Era irmão do famoso cantor e compositor Sílvio Caldas.

Murilo Caldas iniciou sua carreira artística em 1931, quando mostrou o samba de sua autoria, Alô, melancia, ao então diretor artístico da Odeon, Eduardo Souto, que o convidou a gravá-lo na Parlophon, subsidiária da Odeon. Ele também gravaria o samba Desilusão, de Ary Barroso.

No final de dezembro de 1931, gravou a marcha Isola, Isola, de sua autoria em parceria com o ator, cantor e compositor Ildefonso Norat, ao lado de Carmen Miranda, que cada vez mais alcançava sucesso.

Nos anos 30 e 40, seguiu gravando e compondo, inclusive gravando várias de suas composições. Como cantor, se destacou ao gravar o samba É Batucada, de José Luís de Moraes (Caninha) e Visconde Bicoíba, gravado em 1933 e que também seria sucesso na voz de Moreira da Silva. Entre as músicas de sua autoria a fazer sucesso, está o samba Teleco Teco, em parceria com Marino Pinto, na voz de Isaurinha Garcia, sendo regravada posteriormente por Aracy de Almeida.


MURILO CALDAS
Fon Fon, 1940.
http://memoria.bn.br


Suas composições eram gravadas pelos grandes intérpretes de sua época, como Aurora Miranda, Castro Barbosa, Orlando Silva, Linda Batista e seu irmão Sílvio Caldas.

No final da década de 1930 e início dos anos de 1940, fez uma dupla de sucesso ao lado de Lolita França, apresentando-se por vários estados e gravando várias músicas.


Lolita França e Murilo Caldas na Rádio nacional.
O Malho, 1941.
http://memoria.bn.br


Em 1946, lançou o sucesso de Carnaval O Marmiteiro, de Valdomiro Lobo.

Ainda gravaria na década de 1950.

Murilo Caldas faleceu no Rio de Janeiro em 04 de março de 1999, meses antes de completar 94 anos. Seu irmão Sílvio Caldas havia falecido no ano anterior, pouco antes de completar 90 anos.

Encontramos um vídeo dele, já idoso, onde é entrevistado por Paulo Ramirez Santanna. Murilo Caldas fala sobre a marcha Marmiteiro e ainda canta um pequeno trecho.





Trago vinte e duas gravações da obra de Murilo Caldas, seja ele como cantor ou compositor. São registros feitos entre 1931 e 1950.



Murilo Caldas como intérprete


ISOLA, ISOLA
Marcha de Ildefonso Norat e Murilo Caldas
Gravada por Carmen Miranda e Murilo Caldas
Acompanhamento do Grupo da Guarda Velha e Coro
Disco Victor 33.515-A, matriz 65341-1
Gravado em 21 de dezembro de 1931 e lançado em janeiro de 1932



DOQUINHA
Marcha de Walfrido Silva e André Filho
Gravada por Murilo Caldas
Acompanhamento do Grupo da Guarda Velha e Coro
Disco Victor 33.515-B, matriz 65342-2
Gravado em 21 de dezembro de 1931 e lançado em janeiro de 1932



ADEUS MORENA
Samba de Gastão Viana
Gravado por Murilo Caldas
Acompanhamento do Grupo da Guarda Velha, segunda voz de Trajano
Disco Victor 33.576-B, matriz 65500-1
Gravado em 26 de maio de 1932 e lançado em julho



COMO É LINDA A LUA
Samba de Murilo Caldas e Mário Travassos de Araújo
Gravado por Murilo Caldas
Acompanhamento da Orquestra Columbia
Disco Columbia 22.192-B, matriz 381.445-2
Lançado em março de 1933



É BATUCADA
Samba do Morro de José Luís de Moraes (Caninha) e Visconde Bicoíba
Gravado por Murilo Caldas
Acompanhamento da Orquestra Columbia
Disco Columbia 22.194-B, matriz 381461-2
Lançado em março de 1933



MOSSORÓ, MINHA NEGA
Samba de Ary Barroso
Gravado por Murilo Caldas
Acompanhamento da Orquestra Odeon e Coro
Disco Odeon 11.084-A, matriz 4747
Gravado em 11 de novembro de 1933 e lançado em janeiro/fevereiro de 1934



EU VOU-ME EMBORA
Samba de Murilo Caldas
Gravado por Murilo Caldas
Acompanhamento da Orquestra Odeon e Coro
Disco Odeon 11.084-B, matriz 4748
Gravado em 11 de novembro de 1933 e lançado em janeiro/fevereiro de 1934



AGORA É TARDE
Samba de Murilo Caldas
Gravado por Murilo Caldas
Acompanhamento do Conjunto Regional Columbia
Disco Columbia 8.365-B, matriz 3484
Lançado em 1938



SAUDADE
Samba de Murilo Caldas e Wilson Batista
Gravado por Murilo Caldas
Acompanhamento do Conjunto Regional Columbia
Disco Columbia 8.365-B, matriz 3485
Lançado em 1938



SEU GUARDA, PRENDA ESTE HOMEM
Choro Dialogado de Murilo Caldas
Gravado por Murilo Caldas e Lolita França
Acompanhamento do Conjunto Regional Dante Santóro
Disco Victor 34.437-A, matriz 33017-1
Gravado em 14 de março de 1939 e lançado em maio



LOURINHA AUDACIOSA
Samba Dialogado de Murilo Caldas
Gravado por Murilo Caldas e Lolita França
Acompanhamento do Conjunto Regional Dante Santóro
Disco Victor 34.437-B, matriz 33018-1
Gravado em 14 de março de 1939 e lançado em maio



QUERIDA MARIA
Samba de Murilo Caldas e Luís Bittencourt
Gravado por Murilo Caldas
Acompanhamento de Regional
Disco Victor 34.472-A, matriz 33075-1
Gravado em 11 de maio de 1939 e lançado em agosto



MARMITEIRO
Marcha de Valdomiro Lobo
Gravada por Murilo Caldas
Acompanhamento de Totó e Sua Orquestra Continental
Disco Continental 15.584-A, matriz 10546-2
Gravado em 15 de dezembro de 1945 e lançado em janeiro de 1946




Murilo Caldas compositor


GENTE LÁ DE CIMA
Samba de Murilo Caldas
Gravado por Castro Barbosa
Acompanhamento de Gente Bamba
Disco Odeon 10.954-B, matriz 131459
Gravado em 08 de novembro de 1932 e lançado em janeiro/fevereiro de 1933



VOCÊ ME PROVOCOU
Marcha de Murilo Calda e Walfrido Silva
Gravada por Aurora Miranda
Acompanhamento da Orquestra Odeon, sob a direção de Simon Bountman
Disco Odeon 11.082-A, matriz 4752
Gravado em 21 de novembro de 1933 e lançado em dezembro



PONTO DE INTERROGAÇÃO
Marcha de Murilo Caldas
Gravada por Orlando Silva
Acompanhamento dos Diabos do Céu
Disco Victor 34.006-B, matriz 80055-1
Gravado em 18 de dezembro de 1935 e lançado em janeiro de 1936



OLHA LÁ UM BALÃO
Samba de Murilo Caldas
Gravado por Lolita França
Acompanhamento de Regional
Disco Victor 34.465-A, matriz 33073-2
Gravado em 11 de maio de 1939 e lançado em julho



DESPREZO
Samba de Murilo Caldas
Gravado por Sílvio Caldas
Acompanhamento de Regional
Disco Victor 34.554-B, matriz 33262-1
Gravado em 09 de novembro de 1939 e lançado em janeiro de 1940



EU QUERO ESSA MULHER
Samba de Murilo Caldas
Gravado por Sílvio Caldas
Acompanhamento de Orquestra
Disco Victor 34.679-A, matriz 52013-1
Gravado em 03 de outubro de 1940 e lançado em novembro



PASSARINHO PIU PIU
Marcha de Murilo Caldas
Gravada por Lolita França
Acompanhamento de Chiquinho e Seu Ritmo
Disco Columbia 55.322-A, matriz 497
Lançado em janeiro de 1942



OI QUE SAUDADE DELE
Samba de Murilo Caldas
Gravado por Dircinha Batista
Acompanhamento de Benedito Lacerda e Seu Conjunto
Disco Odeon 12.158-A, matriz 6934



TELECO TECO
Samba de Murilo Caldas e Marino Pinto
Gravado por Isaura Garcia
Acompanhamento do Conjunto de Benedito Lacerda
Disco Columbia 55.344-B, matriz 520-2
Gravado em 27 de abril de 1942 e lançado em maio



A BANDINHA DE IRAJÁ
Marcha de Murilo Caldas
Gravada por Emilinha Borba e Marlene
Acompanhamento de Orquestra
Disco Continental 16.172-B, matriz 11111-1
Gravado em 23 de janeiro de 1950 e lançado em março/abril de 1950









Agradecimento ao Arquivo Nirez











Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...